Blog do Miguel Faccio

◄◄◄ Dúvidas quanto a navegação do site, clique em "NAVEGAÇÃO".►►► Este Blog tem a finalidade de levar a você o resultado de uma vida de estudo, de dedicação e de aprofundamento dos conhecimentos revelados pela Fonte Suprema. Dou ênfase aos RAIOS DIVINOS OU CHAMAS que é uma das últimas revelações à humanidade, deixando de ser do domínio secreto.

PLV2449 – Livro 18 – Diário, 20/05/2018

20/05/2018

Tanto no céu como na terra, somos aquilo que conseguimos criar, desde o momento em que surgimos como individualidade consciente, através do pensamento. Os únicos seres no universo que têm essa prerrogativa são os humanos, que, em vista desse poder criador, se tornam também o regedor daquilo que criar. O livre-arbítrio lhe dá a opção de fazer ou deixar de fazer, com a implicância, também, em aquilo que precisa fazer e não faz, tornando-se responsável por isso. Para pleno entendimento de nossa situação de criadores de nós mesmos, precisamos ter em nosso consciente de que os seres são criados, todos, na simplicidade e ignorância. A partir daí, começa a criar e recriar, tendo como resultado a evolução, não só material, que a cada encarnação se recomeça, e sua evolução espiritual que se soma. Assim, na matéria, sempre nos reiniciamos, mas, no espírito, sempre nos completamos, nos aglutinamos e nos somamos. O espírito nunca recomeça, a menos quando degredado para mundos inferiores, onde terá que recomeçar sua evolução espiritual novamente. Essa é a nossa trajetória, porque precisamos cumprir um dos mandados de Deus ao nos criar como individualidades conscientes, sermos os experienciadores de seu conhecimento, para que Deus possa conhecer-se como é. Assim, nos tornamos “Deus em Ação” e em nossa experienciação evoluímos até nos tornarmos Deuses também. Por ora somos apenas “Deus em evolução”.

Deixe uma resposta


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0